a presença da ausência

Sobre o tampo da casa de banho, um calendário, com cerca de dois palmos de altura, encosta-se à parede. Cada dia, num seu quadrado, é grafado com pequenas notas, aniversários, memos, lembretes, coisas dispersas a não esquecer. É portanto claro, na intenção que o tem ali, algo mais do que o simples datar dos dias. Há um claro propósito de alguém que o usa como instrumento de uma memória em que já não confia. Nem todos precisamos disso. Não porque a nossa memória seja mais saudável ou treinada, mas simplesmente porque nos habituámos a deixar esquecer as coisas que tínhamos para fazer, transitando-as de dia para dia até lhes perdermos o rasto. Este calendário rabiscado, ali quase sem se dar por ele, é afinal a arma de quem não vende a uma memória quebrantada a forma como foi cumprindo os compromissos e a organização da sua vida. Contemplo-o por isso. E por isso a admiro.

Reparo depois, num dos seus cantos superiores, à margem dos dias comuns que têm números, uma breve e quase esquiva anotação, numa caligrafia familiar que regista assim: “a presença da ausência”. Foi assim que me habituei também eu a consultar aquele calendário que não é meu e que afinal até já nem é só calendário e para bem mais que agenda. Não preciso nem o faço para que ele me diga em que dia estou, mas ajuda-me a saber para que dia vou. Há algo nele que me é familiar, que me dá rumo, até talvez alguma cadência e harmonia, mesmo que não seja o meu calendário e eu nem sequer atente ao que nele se inscreve. Contemplo-o por isso. E por isso mesmo a admiro.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: